HISTÓRIA DO FUTEBOL ACREANO


Federação de Futebol do Estado do AcreFEDERAÇÃO DE FUTEBOL DO ACRE
Fundada em 01 de setembro de 1987, todavia existe de fato desde 24 de janeiro de 1947 (Fonte: Estatuto da FFAC)
Endereço: Estrada da Floresta, 3689, Bairro Floresta
Rio Branco/AC - CEP 69912-43
Site Oficial: www.ffac.com.br


História História da LAET 1ª Divisão Artilheiros 1ª Div. 2ª Divisão Campeões da LAET Outras Competições Maiores Goleadas Presidentes Arquivo    + ESTADUAIS

       

O esporte acreano surgiu em Xapuri
Não há registro oficial de quando realmente surgiu o esporte no Acre, o máximo que se sabe é que meados de 1912 ele surgiu na pacata Xapury, uma vila encravada na extensa mata acreana. Naquele longiquo ano, a prática esporádica futebolistica já fazia parte de alguns interessados pernas-de-pau metidos a jogadores que vez por outra, se juntavam pela amizade de estarem juntos e logo formavam duas equipes escolhidas entre si e todos dispostos a correrem atrás de uma bola de caucho, driblar o adversário e irem direto ao goleiro não vazado com o objetivo único de meter-lhe uma bolada intitulada de "gol" numa improvisada trave de madeira sem rede, explodindo assim, a alegria de ser o autor da tamanha façanha.

Primeiras agremiações
Com a noticia da formação em 1915 de duas agremiações esportivas em Xapuri "Xapury Sport Clube", e "Commercial Football Club" e também da existência de um jogo de bola entre os índios tarauacaenses da tribo Cacharary, malocados no rio Ituxy, é que a prática esportiva se intensifica no Acre. Primeiro em Rio Branco, depois em Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Brasiléia, Sena Madureira, Plácido de Castro e Senador Guiomard.

O aparecimento das primeiras agremiações esportivas em Rio Branco ocorre em meados de 1919, ano que se registra a existência de times de futebol dentre os quais, o Militar Football Club, formado por militares da Companhia Regional de Departamento do Alto Acre (hoje Polícia Militar do Estado do Acre), comandado pelo Capitão Germiniano Amorim. O Militar Football Club foi o primeiro e o segundo time a jogar com o Rio Branco Football Club; o primeiro, um amistoso realizado na tarde de 14 de julho de 1919 na praça de esportes físicos daquela companhia militar, localizado na rua Rui Barbosa. O placar foi Rio Branco 5 x 0 Militar. A segunda partida, também um amistoso, foi relizada no mesmo local (dia 20), e com mais uma vitória do Rio Branco, desta vez por 4 a 0. O Militar extinguiu-se em 1921, devido a extinção das quatro Companhias Regionais militares no Acre e o repentino surgimento da Força Policial do Território Federal.

Registra a história que antes da fundação do Rio Branco, em 8 de junho de 1919, já existia o Acreano Sporting Club, das cores branco e verde, fundado em 10 de abril de 1919. Outro time de futebol existente era o "Team Negra", cuja estréia com o Rio Branco foi em 6 de setembro de 1919, levando uma surra, 11x1. Já o time do Ypiranga Sport Club foi fundado no mesmo mês do Team Negra. As cores adotadas eram o verde e o amarelo ouro.

Foram estes quatro times de futebol os iniciantes do certame esportivo da cidade, em 1919, com o Rio Branco Football Club sagrando-se campeão do primeiro campeonato Riobranquense de Futebol. Confira todos os campeões da LAET

A mentora do esporte acreano
O Departamento de Obras e Viação foi utilizado como uma das sedes da LAET
O Departamento de Obras e Viação foi utilizado como uma das sedes da LAET

A Liga Acreana de Sports Terrestres (LAET), foi fundada no primeiro ano de governo do Dr. Epaminondas Jácome (1921), pelos clubes Rio Branco, Militar, Ypiranga e Acreano Sporting, com o objetivo de dirigir e difundir os desportos de caráter amadorista em todo o Territótio Federal do Acre, desporto este que envolviam o football, o basketball e o volley-ball. A sua fundação ocorreu na sede do Palácio do Governo Departamental, um prédio de madeira construído em meados de 1908 pelo então prefeito Gabino Besouro. Deste endereço, a Sede Provisória da LAET passou a ser nas dependências do Departamento de Obras e Viação (foto acima), um grande prédio de madeira, localizado na esquina da Avenida Getúlio Vargas com rua Benjamim Constant. Foi nesse endereço que ocorreu a alteração do nome da antiga Liga Acreana de Sports Terrestres para Federação Acreana de Desportos (FAD).

A materialização da FAD ocorreu três anos antes de sua fundação, fruto de uma medida deliberativa do então presidente do Conselho Regional de Desportos (CRD), tenete-coronel Jefferson Ribeiro do Amaral, comandante da Polícia Militar do Território, expedido em 16 de junho de 1944, dando amplos poderes à comissão recém constituída para organizar a entidade fadense. Essa comissão foi composta dos senhores Isidoro da Cunha Pereira, Antônio Fecury, e tenentesSidney Bourguignon, Rui Medeiros de Oliveira Azevedo, e Gerardo Parente Soares.

Federação Acreana de Desportos (FAD)No governo territorial de José Guiomard dos Santos (1946-1950), numa sexta-feira, dia 27 de janeiro de 1947, a FAD foi oficialmente fundada pelos presidentes do Rio Branco Football Club, Isidoro da Cunha Pereira, pelo presidente do Fortaleza Football Club, Milton Braga Rôla, pelo presidente em exercício do Independência Futebol Clube, Dário D'Anzico-urt, e pelo presidente do América EC, Francisco José Paes.

Em 01 de setembro de 1987, em Assembléia Geral, com a presença dos dirigentes do Rio Branco, Independência, Atlético Acreano, Juventus, São Francisco FC, AD Vasco da Gama e Andirá EC é que houve a alteração no Estatuto da Entidade. Uma das mudanças históricas então, foi a extinção da Federação Acreana de Desportos (FAD), e o surgimento da Federação de Futebol do Estado do Acre (FFEAC). Em uma nova Assembléia Geral (em 08 de novembro de 1999), com a presença dos dirigentes dos clubes acima mais da AD Senador Guiomard (ADESG), a Mentora teve nova mudança definitiva de nome, Federação de Futebol do Acre (FFAC).

Independência: o último campeão na era do amador
Se o Independência não teve a oportunidade de ser o primeiro campeão acreano de futebol, brindou sua imensa torcida ao ser campeão do último Campeonato de Futebol Amador, disputado em 1988.

A batalha final foi contra o Rio Branco, que era tido como favorito, uma vez que tinha, em tese, melhor plantel. Mas a torcida lotou o velho José de Melo e empurrou o time tricolor, que venceu a segunda partida da decisão por 2 a 0, atuando com Klowsbey, Anderson, Paulo, Cézar e Sabino; Merica, Mariceudo (Valmir) e Siqueira; Vinícius (Wilson), Antônio Júlio e Paulinho. Os gols foram marcados por Paulinho (o primeiro) e pelo atacante Vinícius (o segundo) que entrou para a história por ser autor do último gol da era amadora.

Juventus, o primeiro campeão da "era" profissional
O Juventus conquistou o primeiro campeonato de futebol profissional disputado em 89. O clube do Povo, disputou um triangular final contra o Atlético Acreano (4x1), e contra o Rio Branco (0x0).

Federação Acreana
A Federação de Futebol do Acre, herdou a fundação de 24 de janeiro de 1947, e substituiu a Liga Acreana de Esportes Terrestres. Os titulos, "tidos" como oficias, passam a valer a partir da disputa do campeonato realizado pela entidade no ano de 1947.


Agradecimentos: "Nossos mais sinceros agradecimentos ao presidente da FFAC (em 2011), sr. Antônio Aquino Lopes, que nos cedeu um exemplar da histórica revista do Futebol Acreano".

Sidney barbosa da SilvaPesquisas de Sidney Barbosa da Silva.
Fontes: Futebol Acreano em Revista, nos Arquivos www.campeoesdofutebol.com.br; e Estatutos da FFAC, acessado em 15 Fev 2017.
Página adicionada em 26/Mai/2008 - atualizada em 15/Fevereiro/2017.

 

Pesquisa personalizada

Shopping Campeões do Futebol

Ir ao Topo