Federação Internacional de Futebol Associado   HISTÓRIA DA COPA DO MUNDO

(A Taça Jules Rimet de 1930, no Uruguai)



Clique no ano e confira a história e tabela por edição.

1930 1934 1938 1950 1954 1958 1962 1966 1970 1974 1978 1982 1986 1990 1994 1998 2002 2006 2010 2014 2018 CAMPEÕES ARTILHEIROS GOLEADAS RANKING + COPA DO MUNDO

       

A Primeira Edição

O primeiro torneio foi disputado por apenas 13 seleções. A escolha do Uruguai, determinado no Congresso de Barcelona, em 1929, acabou enciumando os europeus. Além disso, a longa viagem de navio até Montevidéu, de quase dois meses, não animava as seleções da Europa.

Nas Américas, além do dono da casa, o Uruguai, oito seleções aceitaram o convite da Fifa: Argentina, Bolívia, Chile, México, Peru, Paraguai, Brasil e os Estados Unidos. A seleção norte-americana era reforçada por diversos jogadores ingleses, já que a Inglaterra tinha se desvinculado da Fifa por divergir da entidade quanto ao pagamento de atletas amadores.

Os Europeus

Curiosamente, o time da Romênia foi escalado pelo então rei Carol, um monarca desportista, fundador da Federação da Sociedade Esportiva Romena. E que deu aos jogadores três meses de folga e garantia de emprego na volta da Copa.

Já a França, terra de Jules Rimet, apresentou problemas para liberar seus jogadores. O profissionalismo começava e os clubes não queriam ficar sem seus atletas por quase dois meses. Tempo necessário para viajar de navio, incluindo-se o tempo da disputa do Mundial. Jules Rimet não esmoreceu e conseguiu levar a França ao Uruguai, ficando sem Manuel Anatol, o melhor jogador francês de então, que jogava pelo Racing Club.

Não houve maiores problemas com os belgas: estes viajavam com franceses e romenos no mesmo navio, o "Conte Verde" e, a bordo, treinavam como podiam. Já os iugoslavos viajaram no "Flórida", um trasantlântico para viagens de lazer, para ricos em férias.

A explicação para a ausência da Inglaterra foi o isolamento dos britânicos, completamente contrários ao profissionalismo que começava.

Uruguai - Campeão da Copa do Mundo 1930Estatísticas da competição

Na foto ao lado, a equipe uruguaia

Nesta primeira edição (1930) foram disputados 18 jogos, com 70 gols marcados, média de 3,89 gols por partida. O argentino Stábile terminou a competição como artilheiro (8 gols em 4 jogos disputados, média de 2 gols por partida).

Período: 13 a 30 de julho de 1930
Todos os jogos foram realizados na cidade de Montevidéu.
Público total: 590.549 pagantes
Média de público: 32.808
Campeão: Uruguai

 GRUPO A
13/07 França 4 x 1 México Montevidéu
15/07 Argentina 1 x 0 França Montevidéu
16/07 Chile 3 x 0 México Montevidéu
19/07 França 0 x 1 Chile Montevidéu
19/07 Argentina 6 x 3 México Montevidéu
22/07 Argentina 3 x 1 Chile Montevidéu
 GRUPO B
14/07 Iugoslavia 2 x 1 Brasil Montevidéu
17/07 Iugoslavia 4 x 0 Bolivia Montevidéu
20/07 Brasil 4 x 0 Bolivia Montevidéu
 GRUPO C
14/07 Romênia 3 x 1 Peru Montevidéu
18/07 Uruguai 1 x 0 Peru Montevidéu
21/07 Uruguai 4 x 0 Romênia Montevidéu
 GRUPO D
13/07 Estados Unidos 3 x 0 Belgica Montevidéu
17/07 Estados Unidos 3 x 0 Paraguai Montevidéu
20/07 Paraguai 1 x 0 Belgica Montevidéu
 SEMIFINAL
26/07 Argentina 6 x 1 Estados Unidos Montevidéu
27/07 Uruguai 6 x 1 Iugoslávia Montevidéu
 FINAL
27/07 Uruguai 4 x 2 Argentina Montevidéu
Com o resultado, o Uruguai conquista a primeira Copa do Mundo (Taça Jules Rimet).
Página anterior  CAMPEÕES DA COPA   A COPA DE 1934  Próxima página

Adquira o ebook a História da Copa do Mundo de 1930

Pesquisas realizadas por Sidney Barbosa da Silva.
Fontes: Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br; e www.fifa.com.
Página adicionada em 06/Novembro/2007 - atualiada em 25/Outubro/2017.

Shopping Campeões do Futebol

Ir ao Topo