Arquivo
  Especiais
  + Futebol
 + ESPECIAIS                                                          + FUTEBOL CARIOCA
Duque de Caxias - Uma ascensão Meteórica
Por Anderson Lima
Duque de Caxias FC
O Duque de Caxias fez em 31 de agosto de 2008, na vitória sobre o América/MG, por 2 a 0, o jogo mais importante, até então de sua pequena, mas fantástica, história. Desde a estréia, dia 15 de outubro de 2005, no Louzadão, em Mesquita, contra o Condor, o Duque de Caxias disputou 146 jogos, vencendo metade deles, 73.

Nesses três anos, o Duque teve uma ascenção meteórica, saindo da esquecida terceira divisão do Rio, para a Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro. O clube ganhou um novo estádio, o Marrentão, onde vem se mostrando imbatível na Série C. Mas a maior glória veio no Estádio Mestre Telê Santana, o Telezão, o caldeirão do Duque, onde o clube subiu para a Primeira Divisão do Campeonato Carioca.

Confira todas as estatísticas do Duque de Caxias:

Campanha geral

146 jogos
73 vitórias
27 empates
46 derrotas
230 gols pró
169 gols contra
61 gols de saldo
aproveitamento de 56,2%
média de gols de 1,6 por jogo

Campanha em casa

73 jogos
45 vitórias
14 empates
14 derrotas
128 gols pró
69 gols contra
59 gols de saldo
aproveitamento de 68%
média de gols de 1,8 por jogo

Campanha fora de casa

73 jogos
28 vitórias
13 empates
32 derrotas
102 gols pró
100 gols contra
2 gols de saldo
aproveitamento de 44,3%
média de gols de 1,4 por jogo

A melhor campanha na história, até agora, foi em 2006, quando o Duque de Caxias, venceu 27 dos 50 jogos disputados. Neste ano, o clube conquistou seu primeiro e único título, a Seletiva para a Segunda Divisão do Rio.

O artilheiro da equipe é o atacante Dudu, que está no clube desde sua fundação, com mais de 30 gols. O número correto de gols dele ainda não foi apurado, por conta da falta de súmulas da Federação do Rio.
Tigres do Brasil e Olaria, são os clubes que mais enfrentaram o Tricolor da Baixada, dez jogos. O Tigres também é o time que mais perdeu para o Duque, cinco vezes. No outro lado da moeda está o Macaé, que de seis confrontos venceu cinco dos caxienses e é a verdadeira pedra no sapato do Duque.

Em relação a gols feitos, quem sofreu com o Duque de Caxias foi o pobre União de Marechal Hermes. Em quatro confrontos, o Duque marcou nada mais nada menos que 18 gols, média de 4,5 por jogo. Inclusive, a maior goleada do time na história foi um 7 a 0, pela Seletiva da Segunda Divisão. O único clube q ainda não tomou gols do Duque é o Vasco da Gama.

Já em relação a gols sofridos, o Olaria é o carrasco do Duque. Nos dez confrontos, o Olaria marcou 17 gols no Tricolor. Os times que ainda não marcaram gols do Caxias foram vários: Rubro Social, Central, Independente, Serrano, Campo Grande e Angra dos Reis.

ANDERSON LIMA

É o autor dos dados estatísticos do Duque de Caxias. Lembrando que após 31 de agosto, o Duque de caxias já jogou sete vezes pela Série C, obtendo 3 vitórias, 1 empate e 3 derrotas. Marcou 12 gols, sofreu 9, com um saldo positivo de 3 gols. Mantendo basicamente o mesmo percentual.
Share |
Por Anderson Lima » www.andersonsloth.blogspot.com
Página adicionada em 01 de outubro de 2008, com autorização do autor.
 + ESPECIAIS                                                          + FUTEBOL CARIOCA
Pesquisa personalizada
MATÉRIA ESPECIAL
Heráldica no Futebol - As Cruzes nos escudos dos clubes
Arquivo Campeões do Futebol - www.campeoesdofutebol.com.br - Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva - Desde 2005
* Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador