Arquivo
  Especiais
  + Futebol
  Campeões do Futebol Brasileiro                                                  + ESPECIAIS
Quem é o maior Campeão  Brasileiro?

23 de março de 2006 (atualizada em 07/Agosto/2010)     por Sidney Barbosa da Silva

Obs.: Matéria feita antes da unificação dos títulos brasileiros em 22 de dezembro de 2010
PaulistanoO futebol brasileiro é recheado de "histórias e estórias", fatos e curiosidades. Mas de uma coisa jamais terão certeza: Quem realmente foi o primeiro campeão Brasileiro da história? O que se sabe é que a CBD (antiga denominação da CBF) realizou o primeiro Torneio Interestadual de Clubes no ano de 1920 que reuniu, no estado do Rio de Janeiro, os campeões de três estados: Paulistano, de São Paulo, Brasil de Pelotas, do Rio Grande do Sul, e Fluminense, campeão carioca. Todos os jogos foram realizados nas Laranjeiras, o maior estádio do Brasil na época. O campeão foi o Club Athletico Paulistano.
 
Depois, em 1936, Portuguesa de Desportos, de São Paulo, Atlético Mineiro, de Minas Gerais, Fluminense, do Rio de Janeiro e Rio Branco, do Espírito Santo, disputaram o II Torneio Interestadual de Clubes. Desta vez o campeão foi o Atlético Mineiro, que por conta disso, colocou o verso "nós somos campeões dos campeões" em seu hino.

Muitos outros torneios interestaduais estavam em disputa no Brasil, mas nenhum deles pode-se dizer, com status de campeonato nacional - o mais importante de todos era o Torneio Rio-São Paulo.

O Campeonato Brasileiro (como era conhecido a Taça Brasil) começou por "quase" que uma imposição da Confederação Sulamericana de Futebol - a Conmebol.

Com o início das competições continentais, principalmente na Europa, a Conmebol, viu-se na obrigação de ter o seu clube "campeão" - o melhor da América - dando inicio à Copa Libertadores da América em 1960. Com isso, muitas das federações filiadas viram-se obrigadas a ter oficialmente uma competição de nivel nacional a fim de indicar seu representante na disputa.

O Brasil, por ser um país "continente", sempre teve dificuldades de realizar seu campeonato nacional. Mas a necessidade obrigou a CBD - Confederação Brasileira de Desportos - a criar uma competição de nivel "realmente nacional".

Para se indicar o representante brasileiro na Libertadores foi criada a Taçaa Brasil, em 1959, que reunia os campeões estaduais do ano. Os clubes se enfrentavam em jogos de ida e volta. O campeão da Taça Brasil era considerado o campeão brasileiro. O Torneio teve dez edições e durou até 1968.
 
Antes da extinção da Taça Brasil, em 1968, deu-se inicio ao Torneio Roberto Gomes Pedrosa ou Robertão - como era conhecido - no ano de 1967. Era a continuidade do Torneio Rio-São Paulo que teve inicio em 1933, porém como passou a abrigar clubes de outros estados, ganhou esta nova denominação. Dele participavam clubes do eixo Rio-São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná. Em 1970, ano de sua última edição, passou a se chamar Taça de Prata.

Finalmente em 1971 teve inicio o campeonato brasileiro como conhecemos hoje, apesar de sua grande desorganização e interesses políticos, chegando a ter dois campeões num mesmo ano (1987) - O Sport Recife, considerado pela CBF como o verdadeiro campeão daquele ano e o Flamengo, campeão da Copa União que foi realizada pelo chamado "clube dos 13". Sem contar a bagunça que foi o Torneio João Havelange em 2000.

O fato é que a CBF ignora a história não reconhecendo os campeões nacionais antes da criação do Brasileiro de 1971. Ingratidão à parte da CBF, fica a nós torcedores, a responsabilidade e o bom senso para "exigir" que se faça justiça e reconheça os campeões brasileiros ao longo da história.
 
A Confederação Brasileira de Futebol até que vê a possibilidade de reconhecer os títulos das equipes que venceram torneios nacionais antes de 1971. Caso venha o reconhecimento oficial da CBF, o CA Paulistano que teve seu departamento de futebol "extinto em 1929", poderia comemorar 77 anos depois o título de primeiro Campeão Brasileiro, assim como o Botafogo/RJ poderia ter comemorado o seu segundo brasileiro em 1995. Já o Palmeiras e Santos passariam a ser os maiores vencedores do Brasil, com oito conquistas cada. Resta apenas aguardar que o bom senso prevaleça na CBF. Veja ao lado como ficaria a "verdadeira" relação dos campeões nacionais, "caso a CBF reconheça o erro". Os Campeões Brasileiros
(unificando os titulos anteriores a 1971)

1° - Palmeiras (1960/67/67/69/72/73/93/94).08
1° - Santos (1961/62/63/64/65/68/2002/04)..08
3° - São Paulo (1977/86/91/2006/07/08).......06
4° - Flamengo (1980/82/83/87/92/2009).......06
5° - Vasco da Gama (1974/89/97/2000).......04
5° - Corinthians (1990/98/99/2005).............04
7° - Internacional (1975/76/79)..................03
8° - Grêmio (1981/96)...............................02
9° - Fluminense (1970/84).........................02
10° - Bahia (1959/88)................................02
11° - Botafogo (1968/1995)........................02
12° - Atlético/MG (1936/71).......................02
13° - Cruzeiro (1966/2003).........................02
14° - Guarani (1978)..................................01
15° - Coritiba (1985)..................................01
16° - Atlético/PR (2001).............................01
17° - Sport Recife (1987)............................01
18° - CA Paulistano (1920).........................01
Share |
Página adicionada em 23 de março de 2006 - atualizada em 07 de agosto de 2010
Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva
  Campeões do Futebol Brasileiro                                                  + ESPECIAIS
Pesquisa personalizada
Arquivo Campeões do Futebol - www.campeoesdofutebol.com.br - Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva - Desde 2005
* Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador