Arquivo
  Especiais
  + Futebol
 História do Santos    História e Campeões da Supercopa        + ESPECIAIS
O Titulo "Perdido" do Santos FC
por Sidney Barbosa da Silva, em 12 de janeiro de 2007
A Supercopa de Campeões Intercontinentais
Nos anos 60, a legendária equipe do Santos FC de Pelé e Cia. percorreu o mundo dezenas de vezes jogando amistosos e torneios em todos os lugares do planeta. O motivo, obviamente, era ver O Rei e seus geniais companheiros como Pepe, Coutinho, Toninho, Mengalvio, Carlos Alberto e outros. Todos supercraques do futebol.

Mas a falta de transmissões satélites de TV, deixavam muitos "fanáticos" pelo futebol ao redor do mundo curiosos. Falava-se em todo planeta bola desta magnífica equipe. Devido a falta de televisionamento, só se poderia "ver com os próprios olhos". Por este motivo, os convites eram muitos.

Em um desses giros pela Europa, mas precisamente em Milão, o Santos conquistou um título Intercontinental "Oficial", que inexplicavelmente está perdido na memória do futebol sulamericano e mundial. Se tratava da Supercopa de Campeões Intercontinentais, torneio que envolveu, de um lado, os clubes Sulamericanos (Santos, Racing e Peñarol) que já haviam conquistado a Copa Intercontinental, e do outro os clubes Europeus que haviam conquistado a mesma Taça.

A disputa, iniciada em 1968 e com término em 1969, teve o Santos como o campeão da Zona Sulamericana e a Inter de Milão, que ficou com o titulo da Zona Européia, devido a desistência do Real Madrid em disputar uma final (apenas Inter e Real, até então, haviam conquistado a Copa Intercontinental). Como todos ao redor do mundo queriam ver o Santos, criou-se o Torneio da Zona Intercontinental, que envolveu os dois vencedores.

Em 24 de maio de 1969, o Santos derrotou, no Estádio San Siro (hoje Giuseppe Meazza) a Internazionale de Milão por 1 a 0. Uma segunda partida (revanche) estava marcada para acontecer no mesmo ano, em setembro, em Nápolis, mas nunca aconteceu. O Santos foi declarado campeão tempos depois, por isso nunca houve uma volta olimpica e nem entrega de troféu. Este detalhe contribuiu em muito para o esquecimento, e que não teve a consideração que mereceu.

O fato é que o título foi reconhecido como "oficial" e, em alguns meios de comunicação que relacionam os titulos do Santos FC, o esquecem.
Informação do Sr. Roberto Dias Alvares

"Destaco que na disputa deste torneio, não houve o jogo de volta pois os dirigentes da Inter Milão alegaram falta de datas. Na verdade, perceberam que se tinham perdido em casa do poderoso Santos, não teriam muita chance de ganhar uma segunda partida. Para comprovar isso, Informo que o Troféu, que a matéria alega não ter sido entregue, está no Memorial das Conquistas do Santos FC. Este torneio oficial, disputado pelo Santos por ter vencido a Recopa Sulamericana, na época de mais destaque que a Libertadores, que se apresentava deficitária e inchada, é reconheciuda pela Conmebol e só não é colocada nos RANKINGS DOS DIVERSOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO, porque daria ao Santos uma pontuação maior e jogaria clubes de maior simpatia da Imprensa posições abaixo.

É incompreensivel que os diversos rankings coloquem o Santos FC em posições tão distantes da Liderança, se a própria FIFA considerou o clube o maior time das Américas."
Share |
Fonte: Arquivo Campeões do Futebol
Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva
Agradecimentos ao Sr. Roberto Dias Alvares
Página adicionada em 12 de janeiro de 2007; atualizada em 06/Janeiro/2008.
 História do Santos   História e Campeões da Supercopa        + ESPECIAIS
Pesquisa personalizada
Arquivo do Futsal
Arquivo Campeões do Futebol - www.campeoesdofutebol.com.br - Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva - Desde 2005
* Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador