HISTÓRIA DA CONFEDERAÇÃO DA OCEANIA


Oceania Football ConfederationOCEANIA FOOTBALL CONFEDERATION
Fundada em 1966
Endereço: P.O. Box 62-586, Kalmia Street
Auckland, 1544 - New Zealand
Site oficial: www.oceaniafootball.com

HISTÓRIA DA OFC   LIGA DOS CAMPEÕES DA OFC             + CONTINENTAIS

       

FUNDAÇÃO

A idéia de uma confederação para o Pacífico foi levantada pela primeira vez em 1964, quando o mundo do futebol estava em Tóquio para os Jogos Olímpicos. Três amigos discutiram a idéia e colocaram em prática a formação do que viria a ser o OFC. Seus nomes: Sir Stanley Rous, então presidente da FIFA, Jim Bayutti da Federação de Futebol da Austrália e Guppy Sid, presidente da Associação de Futebol da Nova Zelândia.

A discussão surgiu depois de uma decisão da Confederação Asiática de Futebol, que só tinha sido formada há dez anos, não ter aceitado a entrada da Austrália e Nova Zelândia, em sua confederação. Foi isso que estabeleceu as bases e deu o ímpeto para as discussões cruciais da criação da OFC em Tóquio.

Charles J. Dempsey, 1921-2008

Charles J. DempseyCharles "Charlie" Dempsey é considerado o "Pai da OFC" por ter desempenhado um papel importante no estabelecimento da confederação e continuando em vários cargos de liderança. Após as discussões iniciais em Tóquio, Dempsey foi abordado pelo NZFA para trabalhar com Jim Bayutti para reunir os documentos necessários e angariar apoio em todo o mundo, na esperança de que receberia uma favorável recepção no próximo Congresso da FIFA, dois anos depois.

E assim foi, em 1966, a FIFA aprovou formalmente a proposta e a Confederação de Futebol da Oceania nasceu oficialmente. Os membros fundadores inclui a Austrália, Fiji, Nova Zelândia e Papua Nova Guiné. Nova Caledônia também foi envolvida no processo, mas só podia ser membro provisório, uma vez que, o território não tinha autonomia dos esportes na época, pois pertencia a França.

Congresso Inaugural

O primeiro congresso da OFC foi realizada em 1968, sendo que, Sir William Walkley e Ian McAndrew foram nomeados presidente e secretário / tesoureiro, respectivamente. Ambos eram da Austrália.

Em discurso de abertura foi de Sir William's (no Congresso 1968) que exortou "todas as nações (a) trabalharão em conjunto para o desenvolvimento do futebol no sul do Pacífico".

OFC Hoje

Com o apoio do organismo mundial, a OFC mudou rapidamente em vários níveis. Todas as associações membro têm escritórios totalmente funcional e pessoal e estão trabalhando incansavelmente para desenvolver o futebol em suas respectivas regiões. A OFC tem lançado competições como a Copa das Nações da OFC e O-League (Liga dos Campeões da Oceania), que são espelhos de organização, dando um maior impulso aos outros campeonatos regionais.

Associações filiadas

Com a saída da Austrália que resolveu se filiar a UEFA, a OFC conta, atualmente (em 2010), com 11 associações membros. São elas: Samoa Americana, Ilhas Cook, Fiji, Nova Caledônia, Nova Zelândia, Papua Nova Guiné, Ilhas Salomão, Samoa, Tahiti, Tonga e Vanuatu.

Competições da OFC

A OFC realiza diversas competições, dentre elas, a mais importantes é a OFC Nations Cup (Seleções masculino e feminino), a OFC Champions League, OFC Womens Championship em várias categorias, competições da categoria Sub 20, sub 17, e campeonatos de beach soccer e futsal.


Sidney barbosa da SilvaPesquisas de Sidney Barbosa da Silva.
Fonte: www.oceaniafootball.com.
Página adicionada em 05 de maio de 2010.

 

Pesquisa personalizada

 

Livros Digitais Campeões do Futebol

Ir ao Topo