Fluminense 4 x 0 Vitória, maior público da historia entre as duas equipes
Fluminense 4 x 0 Vitória, maior público da historia entre as duas equipes

O Vitória, forma com o seu rival local, o Bahia, e o pernambucano Sport, os três maiores clubes de futebol do Nordeste, considerando as suas participações no Campeonato Brasileiro e na Copa Brasil, as principais competições nacionais.

Embora nunca tenha conquistado o título brasileiro, o Esporte Clube Vitória passou perto em 1993, quando chegou ao vice campeonato, assim como em 1999, quando chegou em terceiro, sendo o clube da Região Nordeste com mais pontos conquistados na História do Campeonato Brasileiro no período entre 1971 e 2018, com mais pontos conquistados na Copa do Brasil e o clube com mais títulos de campeão da Copa do Nordeste.

Fundado em 1899 como um clube de cricket, o Vitória abriu o seu departamento de futebol em 1902, sendo o clube de futebol mais antigo da Região Nordeste ainda em atividade.

Até o fim do Campeonato Brasileiro de 2018 foram 52 confrontos, com 23 vitórias do Fluminense, 18 empates e 11 vitórias do clube baiano, 82 gols pró-Fluminense e 52 contra. De todos os confrontos realizados até hoje, apenas 18 foram com o mando de campo do Fluminense, sendo que dois destes jogos foram realizados no Estado do Espírito Santo, limítrofe com o Rio de Janeiro e com a Bahia, e um no Estádio da Rua Bariri, pertencente ao Olaria AC.

16 partidas foram disputadas no Estádio da Fonte Nova, 15 no Maracanã e 12 no Barradão, principais palcos desse confronto.

Pelo Campeonato Brasileiro foram 39 jogos, com 16 vitórias do Fluminense, 14 empates e 9 triunfos do Vitória, 56 gols pró-Fluminense e 44 contra. Esse confronto nunca se realizou por outra competição oficial.

A primeira partida ocorreu em 5 de abril de 1923, empate por 1 a 1 no Campo da Graça, em Salvador, na primeira excursão do Fluminense fora da Região Sudeste, na segunda partida da excursão.

Em 1946 o Fluminense aplicou a maior goleada do confronto, 5 a 0, superando os 6 a 2 do ano anterior pela diferença de gols, ambas as partidas disputadas no Campo da Graça.

No ano de 1961, houve uma partida na cidade de Ilhéus, na Bahia, com vitória tricolor por 1 a 0 e 10.698 torcedores pagando pelos ingressos.

O Fluminense conquistou o Torneio José Macedo Aguiar em 1971, disputado no Estádio da Fonte Nova, em Salvador, tendo empatado com o Vitória na primeira rodada por 0 a 0, e depois ao vencer o Bahia por 1 a 0 na rodada derradeira, competição disputada também pelo Flamengo.

No ano seguinte, os dois clubes disputaram o Torneio Cidade de Salvador de 1972, com o Vitória tendo vencido a partida entre ambos por 1 a 0 na última rodada, afastando o Fluminense da disputa do título, torneio disputado também pelo Grêmio (campeão) e pelo River Plate, de Buenos Aires.

Em 19 de fevereiro de 1975, 33.948 torcedores pagantes proporcionaram o maior público desse confronto em Salvador, na vitória tricolor em partida amistosa por 2 a 0.

Em 13 de junho de 1976, Fluminense e Vitória fizeram um combinado contra outro formado por jogadores estrangeiros, com o combinado que representou os dois clubes vencendo os estrangeiros por 3 a 1 no Estádio da Fonte Nova.

Já a partida pelo Campeonato Brasileiro de 1976, disputada no Maracanã, terminou com triunfo do Vitória por 1 a 0, no primeiro confronto por uma competição oficial entre os dois clubes e também no primeiro com o mando de campo do Fluminense, no décimo sexto jogo entre eles.

55.083 torcedores presenciaram a vitória do Flu por 4 a 0 em 29 de novembro de 2009, no maior público do Fluminense contra um clube nordestino no Estádio do Maracanã. 50.687 espectadores presenciaram o triunfo do Vitória por 2 a 1 nesse mesmo estádio, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro de 2014.

O Fluminense sagrou-se o primeiro campeão do Campeonato Brasileiro de Futebol Sub 20 organizado pela CBF, ao vencer o Vitória por 3 a 0 no Estádio do Barradão no dia 2 de setembro de 2015.

Artilheiro
O maior artilheiro pelo Fluminense é Jair Francisco, com quatro gols, possivelmente o maior artilheiro do confronto.

Maiores públicos
* Aonde não constam os públicos pagantes e presentes, a referência é aos pagantes, acima de 20.000 presentes.

1- Fluminense 4–0 Vitória, 55.083, Maracanã, Brasileiro 2009 (52.408 pags.).
2- Fluminense 1–2 Vitória, 50.687, Maracanã, Brasileiro 2014 (44.975 pags.).
3- Vitória 0–2 Fluminense, 33.948, Fonte Nova, Amistoso 1975.
4- Vitória 1–1 Fluminense, 32.717, Fonte Nova, Brasileiro 1980.
5- Vitória 2–2 Fluminense, 30.627, Fonte Nova, Amistoso 1975.
6- Fluminense 2–3 Vitória, 29.350, Maracanã, Brasileiro 2013 (23.283 pags.).
7- Fluminense 0–1 Vitória, 28.822, Maracanã, Brasileiro 1976.
8- Fluminense 2–1 Vitória, 26.096, Maracanã, Brasileiro 2010 (21.220 pags.).
9- Vitória 1–2 Fluminense, 24.543, Fonte Nova, Brasileiro 1991.
10- Vitória 0–0 Fluminense, 21.137, Fonte Nova, Brasileiro 1981.
11- Fluminense 2–2 Vitória, 20.005, Maracanã, Brasileiro 2016 (17.250 pags.).


Fonte: Arquivo de pesquisas de Alexandre BerwangerAlexandre Magno Barreto Berwanger, disponibilizado em seu perfil no Facebook.
Página adicionada em 20/Novembro/2018.

 

Shopping Campeões do Futebol