Campeões do Futebol
Pesquisa personalizada
História do São Paulo FC
SUPERCAMPEONATO PAULISTA DE 2002
  TODOS OS CAMPEÕES                                                         + FUT-PAULISTA     + TABELÃO
Disputado por quatro equipes: Ituano que foi o campeão paulista de 2002 (neste campeonato paulista os grandes clubes não participaram), e as três melhores equipes do estado no ano: Corinthians, Palmeiras e São Paulo.

SEMIFINAIS - JOGOS DE IDA

ITUANO 2 x 0 CORINTHIANS
Data: 19/Maio/2002, 16 horas - Local: Estádio Novelli Júnior, em Itú
Árbitro: Cléber Wellington Abade (SP)
Gols: Fernando Gaúcho, aos 16min, e Vinícius, aos 29min, do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Everaldo e Elson (Itu); Fábio Luciano e Fabinho(Cor).

ITUANO: André; Giuliano (Lima), Erivélton, Vinícius e Lúcio; Pierre, Everaldo, Elson e Juliano (Richardson); Basílio e Fernando Gaúcho (Tita). Técnico: Ademir Fonseca.

CORINTHIANS: Doni; Rogério, Fábio Luciano, Anderson e Kléber; Fabrício, Fabinho e Renato (Santiago); Deivid, Leandro (Edson) e Gil. Técnico: Jairo Leal.


SÃO PAULO 2 x 0 PALMEIRAS
Data: 19/Maio/2002, 16 horas - Local: Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul
Árbitro: Romildo Corrêa (SP)
Gols: Reinaldo, aos 40min, e Fábio Simplício, aos 48min, do segundo tempo.
Cartões Amarelos: não houve.

SÃO PAULO: Roger; Rafael, Jean, Reginaldo (Émerson) e Gustavo Nery; Maldonado, Fábio Simplício, Adriano e Lúcio Flávio (Júlio Baptista); Dill (Sandro Hiroshi) e Reinaldo. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

PALMEIRAS: Sérgio; Taddei, Alexandre, César e Misso; Paulo Assunção, Célio, Magrão (Juninho) e Lopes (Pedro); Muñoz e Christian (Itamar). Técnico: Wanderley Luxemburgo.


SEMIFINAIS - JOGOS DE VOLTA

PALMEIRAS 2 x 2 SÃO PAULO
Data: 22/Maio/2002, 21 horas - Local: Estádio do Canindé, em São Paulo
Árbitro: Sálvio Espínola Fagundes Filho
Gols: Fábio Simplício, a 1min; Itamar, aos 18min; Sandro Hiroshi, aos 32min; e Nenê, aos 40min do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Gustavo Nery, Adriano, Júlio Batista, César e Célio.

PALMEIRAS: Sérgio, Pedro, Alexandre, César e Taddei(Nenê); Paulo Assunção, Magrão, Célio (Fabiano Eller) e Lopes (Muñoz); Itamar e Christian. Técnico: Wanderley Luxemburgo.

SÃO PAULO: Roger, Rafael, Émerson, Jean e Gustavo Nery; Maldonado, Fábio Simplício (Reginaldo), Adriano (Souza) e Júlio Baptista; Reinaldo e Dill (Sandro Hiroshi). Técnico: Oswaldo de Oliveira.


CORINTHIANS 3 x 2 ITUANO
Data: 22/Maio/2002, 21h - Local: Estádio Martins Pereira, em S. J. dos Campos
Árbitro: Romildo Correa - Gols: Fabinho, aos 28min e aos 40min do primeiro tempo. Basílio, aos 14min, Ricardinho, aos 36min, e Basílio, aos 39min do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Lúcio, Pierre, Everaldo e Basílio (Inter); Fabrício e Fábio Luciano (Cor.).

CORINTHIANS: Doni; Rogério, Fábio Luciano, Anderson e Kléber; Fabrício, Fabinho e Ricardinho; Deivid, Leandro e Gil (Renato). Técnico: Jairo Leal (interino).

ITUANO: André; Giuliano, Erivélton, Vinícius e Lúcio; Pierre, Everaldo, Elson e Juliano (Tita); Basílio(Richarlyson) e Fernando Gaúcho (Silvinho). Técnico: Ademir Fonseca.


FINAL - 1° JOGO

ITUANO 2 x 2 SÃO PAULO
Data: 26/Maio/2002, 16h - Local: Estádio Dr. Novelli Júnior, em Itu
Árbitro: Edilson Pereira de Carvalho (SP) - Gols: Fernando Gaúcho, aos 39min do primeiro tempo; Reinado, aos 23min; Basílio, aos 32min; e Júlio Baptista, aos 44min do segundo tempo.
Cartões Amarelos: não houve.

ITUANO: André Luís, Giuliano, Erivélton, Vinícius e Lúcio; Pierre, Tita, Élson (Lima) e Juliano (Richarlyson); Basílio e Fernando Gaúcho (Silvinho). Técnico: Ademir Fonseca.

SÃO PAULO: Roger, Rafael (Gabriel), Émerson, Jean e Gustavo Nery; Maldonado, Fábio Simplício, Adriano (Souza) e Júlio Baptista; Reinaldo e Sandro Hiroshi (Oliveira). Técnico: Oswaldo de Oliveira.


FINAL - 2° JOGO

SÃO PAULO 4 x 1 ITUANO
Data: 30/Maio/2002, 16h - Local: Estádio Cicero Pompeu de Toledo (Morumbi), em São Paulo
Árbitro: Paulo César Oliveira (SP) - Gols: Adriano, aos 18min e 43min do primeiro tempo, Reinaldo, aos 21min, Sandro Hiroshi, aos 24min e Basílio, aos 31min do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Émerson e Jean, para o São Paulo, e Erivélton e Élson, para o Ituano.

SÃO PAULO: Roger; Gabriel, Émerson, Jean e Lino; Maldonado, Fábio Simplício, Adriano e Lúcio Flávio (Souza); Sandro Hiroshi (Oliveira) e Reinaldo (Rafael). Técnico: Oswaldo de Oliveira

ITUANO: André Luís, Giuliano (Silvinho), Erivélton, Vinícius e Lúcio; Everaldo, Pierre, Élson e Juliano (Tita); Basílio e Fernando Gaúcho (Lelo). Técnico: Ademir Fonseca

Como foi a partida
O título foi o primeiro do São Paulo em 2002 e também a primeira taça que o técnico Oswaldo de Oliveira levanta à frente da equipe paulista, que havia assumido há apenas 17 dias.

Após a partida, o treinador ofereceu a conquista do Supercampeonato Paulista a Nelsinho Baptista, demitido após a final do Rio-São Paulo, no dia 12 de maio. "Dedico o título ao Nelsinho, eu só continuei o trabalho que ele vinha fazendo aqui", disse.

O título do Superpaulista serviu também para devolver a auto-estima ao elenco do São Paulo, derrotado na semifinal da Copa do Brasil e na decisão do Rio-São Paulo neste ano. "Depois dessas derrotas frustrantes, essa conquista é importante para devolver a confiança", afirmou o lateral Gabriel.

Agora, o São Paulo ganha dez dias de férias. Na reapresentação, Oswaldo de Oliveira começa a preparar a equipe para a Copa dos Campeões, em agosto, no Nordeste.

Com o Morumbi lotado pelos torcedores do São Paulo, o São Paulo jogou sempre pressionando o Ituano, atual campeão paulista. Apesar do placar elástico, a partida foi muito disputada.

No primeiro tempo, impulsionado pela torcida, o São Paulo começou melhor, criando boas jogadas ofensivas. O primeiro gol saiu aos 18 min, com o meia Adriano cobrando falta.

O gol desestabilizou o time de Itu, que passou a atacar muito e deixar a defesa desprotegida, vítima fácil dos contra-ataques. O São Paulo, no entanto, não transformar o domínio em gols até os 43min, quando Adriano novamente acertou uma falta e ampliou o placar.

No segundo período, o Ituano voltou disposto a atacar, com a entrada de dois atacantes no lugar de um defensor e um meia. Mas as substituições não fizeram o efeito esperado e o São Paulo continuou dominando.

Reinaldo, que mais uma vez marcou em uma final, fez o terceiro gol aos 21min. Sandro Hiroshi, aos 28min, completou o placar para o São Paulo. O gol do Ituano foi de Basílio, aos 31min, depois de um escanteio.
Fonte: Arquivo www.campeoesdofutebol.com.br - Pesquisas de Sidney Barbosa da Silva
Página adicionada em Outubro/2008.
 
  TODOS OS CAMPEÕES                                                         + FUT-PAULISTA     + TABELÃO
  CAMPEÕES   ESPECIAIS
  + ESPECIAIS   + FUTEBOL
   Home      Historiadores      Blog Campeões      Loja Campeões
  Arquivo Campeões do Futebol - Desde 2005 | Desenvolvido e mantido por Sidney Barbosa da Silva | Hospedagem SBSites Brasil
 
  * Permitido a reprodução de todo conteúdo desde que citada a fonte e o Autor/Pesquisador